ÚLTIMAS NOTÍCIAS > Gabinete da prefeita

Pacto pela Paz prepara 105 jovens ao mercado de trabalho

Start capacitou adolescentes do Pestano, Santa Terezinha e Centro para o primeiro emprego. Banco de Oportunidades captou mais de mil vagas em cursos e oficinas

Por Luiza Meirelles 11-07-2019 | 12:26:47

O primeiro passo para entrar no mercado do trabalho e, sobretudo, adquirir autoconfiança e autoestima para enfrentar os desafios da vida adulta foi dado por 105 pelotenses ao concluir o Start, projeto do Pacto Pelotas pela Paz que prepara adolescentes para o primeiro emprego e aposta no protagonismo juvenil para transformar o futuro da cidade. Para a formatura desta quarta-feira (10), trajes festivos e sorrisos não faltaram para receber, das mãos da prefeita Paula Mascarenhas, os certificados da formação – momento acompanhado por familiares e amigos que lotaram o auditório do Colégio Pelotense.

Banco de Oportunidades já captou mais de mil vagas em cursos, oficinas e Jovem Aprendiz – Fotos: Michel Corvello

Desde o ano passado, 230 meninas e meninos de todas as regiões da cidade – Getúlio Vargas, Navegantes, Areal, Sítio Floresta, Pestano, Colônia Z3, entre outras – passaram por aulas de empreendedorismo, liderança, comunicação, produção de currículos e preparação para entrevistas. A noite também marcou mais uma importante conquista do Pacto: o Banco de Oportunidades, projeto que originou o Start, já captou 1.021 vagas em cursos profissionalizantes, Jovem Aprendiz, oficinas culturais, artísticas e esportivas, batendo a meta estipulada; a expectativa era chegar as mil vagas no final de 2020.

“Precisamos seguir olhando para nossas crianças e jovens, estimulando suas potencialidades e dando espaço para que sejam o que desejam ser, em um lugar onde eles possam sonhar e tenham oportunidades para realizar seus objetivos. O Start surgiu para dar esse apoio, elevar a autoestima, dar segurança e mostrar quanta capacidade a juventude tem”, afirmou a prefeita, destacando que o projeto despontou a partir de uma demanda dos próprios adolescentes, que queriam aprender como se comportar e se apresentar às entrevistas de emprego.

Do Start para o trabalho

Do grupo de recém-formados dos núcleos Pestano, Santa Terezinha e Centro, cinco já estão empregados. Uma delas é Vitória Barros, de 18 anos, que credita ao projeto o sucesso para a contratação. “Aprendi a ter autocontrole, confiar mais em mim, conquistar o meu espaço e perder a timidez, tanto que hoje estou aqui falando para mais de 200 pessoas”, destacou a jovem à plateia lotada.

Vitória é uma das formandas do Start que já conquistou uma vaga de emprego – Foto: Michel Corvello

‘Start’ capacita 70 jovens pelotenses para o mercado de trabalho

Interesse pelo Projeto Start cresce e há lista de espera

Start realiza oficina de currículos

Representando a turma do Pestano, Rafaela Correa, afirmou que a maior lição é sempre acreditar no próprio potencial. “Cada trabalho nos ensinou que não devemos desistir dos nossos sonhos mas, principalmente, de nós mesmos. O curso realmente mudou as nossas vidas”, resumiu a menina. A prefeita ressaltou que o momento de esperança de construir um mundo melhor vai ao encontro do principal objetivo do Pacto: fincar a bandeira da paz na cidade. “Fico emocionada por ver que tantas histórias estão sendo transformadas e vidas preservadas”.  

Protagonismo juvenil

Dar voz à juventude pelotense é o que defende o coordenador do Start, Pablo Salomão, que lembrou na ocasião os 30 empregos alcançados pelos participantes das três turmas já formadas. “Enquanto os jovens sonharem, nós teremos esperança de um mundo melhor. E é nosso papel fortalecer isso”, assinalou o coordenador, recordando o objetivo do projeto de combater a vulnerabilidade juvenil e, consequentemente, impactar na redução da violência.

Objetivo do projeto de combater a vulnerabilidade juvenil e diminuir a violência – Fotos: Michel Corvello

Detalhes do Projeto

O projeto, uma parceria da Prefeitura com o CIEE, é uma das frentes de atuação do Banco de Oportunidades. A primeira turma, composta por 55 jovens dos núcleos Sítio Floresta, Areal e Colônia Z3, se formou em setembro de 2018; a segunda, com 70 alunos dos núcleos Getúlio Vargas, Navegantes e Laranjal, em dezembro 2018. Para a quarta turma, já estão confirmadas aulas na Vila Princesa, Navegantes e Centro (no Colégio Pelotense).

O juiz diretor do Foro da Comarca de Pelotas, Marcelo Malizia Cabral, reconheceu a importância da iniciativa do projeto do Pacto e se disse feliz por ver “uma centena de jovens escolhendo o melhor caminho e cumprindo seu dever de estudar e de se profissionalizar". Também participaram da formatura a professora do Start, do CIEE Pelotas, Solange Gonçalves; a psicóloga da Secretaria de Assistência Social, Aline Crochemore; e a representante da 5ª CRE, Dóris Noronha.

Confira as fotos da reportagem neste link do Flickr da Prefeitura.

Tags

pacto pelotas pela paz, projeto start, ingresso no mercado, trabalho, primeiro emprego, capacitação, formatura, banco de oportunidades

Carregando 0%